Especialidades

Cardiologia Intervencionista

Um cuidado a mais com o seu coração

Alguns sintomas incomuns podem ser um alerta de seu corpo, avisando que o coração não está bem

Todo ano, os índices de pessoas que sofrem de problemas ligados ao coração, aumentam. Isso por que a maioria das pessoas não sabe identificar os sintomas de um infarto, por exemplo.

Ao sentir dores que possam remeter a um infarto, recomenda-se procurar, o mais rápido possível, um cardiologista. Os sintomas mais comuns são: ansiedade, desconforto no peito, tosse, tontura, fadiga, náusea e falta de apetite, desconforto ou dor na região precordial, tipo opressiva, com irradiação para braço esquerdo, mandíbula, costas e às vezes dor na região epigástrica (região do estômago) que pode ser acompanhada de náusea, vômito e sudorese. No caso das mulheres, os sintomas podem ser menos específicos. A hipertensão também é um fator de risco, assim como o colesterol alto. Normalmente o paciente demora a dizer ao médico seus sintomas.

E é por esta razão que grande parte da população precisa recorrer às cirurgias. A Cardiologia Intervencionista é onde são realizadas as intervenções cirúrgicas no coração com auxílio da angioplastia, que é a dilatação, por meio de catéteres introduzidos pela região inguinal, ou pelo punho direito, com implantação de STENT, que são dispositivos de aço para manter a via arterial desobstruída e restabelecer o fluxo adequado de sangue. Além desse procedimento, no Hospital Santa Cruz, são realizadas também as válvuloplastias, que são aberturas das válvulas cardíacas por meio de um balão e o fechamento de orifícios congênitos do coração. Tudo realizado de forma minimamente invasiva.

Estas intervenções são feitas quando, de acordo com critérios médicos e anatômicos, o benefício é superior ao risco. No Hospital Santa Cruz temos uma estrutura completa para atendimento cardiológico, com equipamentos de última geração, sempre atualizados. Por se tratar de um procedimento menos invasivo é também mais seguro e gera menor trauma físico para os pacientes.